01 agosto, 2006

Chegámos a Marrocos


"Talvez em Marrocos umas cidades tenham que mudar para que outras fiquem na mesma. Assim, a Marraquexe e a Fez tocou o papel de montra exótica de um Oriente em cápsulas para consumo inócuo..."

In A lua pode esperar, pág. 82

Marrocos tem paisagens lindíssimas que serviram de inspiração a muitas gerações de artistas, podemos ver algumas dessas imagens em filmes como:

O Homem que sabia demais - de Alfred Hitchock, parcialmente rodado em Marraquexe;

Lawrence da Arábia - de David Lean, cenas gravadas em Ouarzazate

Casablanca - de Michael Curtiz apesar da inspiração marroquina foi totalmente rodado nos estúdios de Hollywood.

Um Chá no Deserto - de Bernardo Bertolucci, adaptação do livro de Paul Bowles: O Céu que nos Protege.

3 comentários:

Minerva McGonagall disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
Minerva McGonagall disse...

Um dos meu sonhos é visitar o deserto. Quem por lá andou, diz que é uma experiência altamente espiritual. Talvez um dia...

Laranjinha disse...

Deve ser uma sensação única!